Johnny Walker é o mais novo atleta contratado pelo UFC

Atleta, de 26 anos, começou sua trajetória nas artes marciais em Rio das Ostras

Johnny possui cartel de 14 vitórias e três derrotas. (Divulgação/UFC)

A equipe IFTeam, de Barra de São João-RJ, vem a cada dia se tornando um celeiro de novos talentos. Depois de ter seu primeiro integrante, a atleta Talita Bernardo, fazendo parte do seleto time de brasileiros no Ultimate Fighting Championship (UFC), organização de MMA que produz o maior evento de lutas marciais de todo o mundo, desta vez o time verde e amarelo acaba de ganhar um novo reforço. Trata-se do atleta Johnny Walker, de 26 anos, na categoria meio-pesado (até 93kg).

Johnny Walker participou do segundo episódio do Contender Brasil, exibido no canal Combate e na Rede Globo neste final de semana. Com uma vitória dominante sobre Luis Henrique Frankenstein, o atleta foi contratado por Dana White, presidente da organização.
Johnny possui cartel de 14 vitórias e três derrotas. O brasileiro, que tem 1,96m de altura e 2,06m de envergadura, vem de seis resultados positivos seguidos, sendo quatro deles por nocaute e um por finalização. Natural de Belford Roxo, na Baixada Fluminense, Johnny Walker começou sua trajetória na luta aos 17 anos, quando se mudou para Rio das Ostras. Mas a história é um pouco inusitada, conta ele: “Entrei na academia para fazer musculação. De um lado, estava uma sala de dança, do lado oposto, atletas treinando muay thai. Acabei optando pela dança, né (risos)? Depois fui para o muay thai também e comecei a fazer umas lutinhas internas. Nunca perdi uma luta de muay thai até hoje. Então, vi que eu levava jeito, aí fui conhecendo outras pessoas do mundo da luta, comecei a fazer jiu-jitsu, conheci o Leonardo Gosling e o Josimar Júnior, que atualmente são meus treinadores e me introduziram no jiu-jitsu. Estreei direto no profissional, com três meses de treino”, disse.

O irreverente lutador assegura que a oportunidade de estar no UFC não será desperdiçada. “Quero impressionar todo mundo, brincar, desrespeitar, fazer barulho. Vim para fazer barulho. Vamos ver o que vem pela frente. Já lutei no peso-pesado, talvez volte no futuro, mas minha envergadura é boa, tenho um peso bom, vou bater em uns caras do peso-meio-pesado. A minha categoria possui muitos lutadores bons, mas vou ser o melhor. É só questão de tempo. Tem quatro anos que estreei no profissional. Não sei nada ainda. Com o pouco que sei estou batendo em uma galera, então imagine quando eu aprender um bocado de coisa?”, indagou o atleta.

Recém-contratado pelo Ultimate, Johnny Walker já tem data para estrear na organização e terá uma parada dura pela frente. O brasileiro vai enfrentar o perigoso americano Khalil Rountree no dia 17 de novembro, no UFC Argentina, em Buenos Aires.

Com contrato assinado pelo UFC e luta marcada, Johnny Walker segue sua rotina diária de treinamentos em Barra de São João, na Academia Império Fight, pela equipe IFTeam. No próximo dia 11, ele embarca para a cidade Southampton, na Inglaterra, onde reside desde setembro do ano passado.

“Graças a Deus a nossa equipe está virando referência nas artes marciais. Atualmente temos dois atletas no UFC em nossa região. Isso é muito gratificante. Hoje estamos recebendo atletas de toda parte do país, inclusive do mundo. Ultimamente estamos treinando um atleta escocês, o Max Freyne, de 21 anos, que largou tudo em seu país para vir para o Brasil em busca do seu sonho, que é ser tornar um atleta do UFC. Por enquanto ele ficará conosco na academia por três meses, mas ele já demostra interesse de estender este período de treinamento e aprendizado. Literalmente ele está investindo na carreira de lutador”, comentou o treinador Josimar Júnior.

Leia Também

Talita Bernardo vence a primeira no UFC ao bater Sarah Moras

A brasileira Talita Bernardo, da equipe IFTeam de Barra de São João, mostrou personalidade e …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *