Escola de Araruama é flagrada com pacotes de leite em pó com validade vencida

A 118ª DP registrou na tarde desta sexta-feira (7) mais boletim de ocorrências contra a prefeitura de Araruama. Depois de remédios com prazo de validade vencido, a denúncia da vez agora é sobre alimentos. Pacotes de leite em pó integral foram encontradas no chão da despensa da Escola Municipal Francisco Domingos Neto, no bairro Boa Vista.

Os 102 pacotes de leite, com data de validade vencida, estava em sacolas plásticas. O flagrante foi constatado pelos vereadores Maria da Penha Bernardes, Gabriel Vargas e Marcio de Oliveira. Questionada a respeito, a diretora da escola, Daniele Rodrigues Ferreira não forneceu as notas fiscais referentes ao alimento, tampouco o nome da empresa que forneceu o alimento. Irregularidade constatada, os vereadores requisitaram a PM. Pouco depois, foram ao local guardas municipais acompanhados do secretário municipal de Segurança, Vanderlei de Oliveira.

Historia que se repete – Casos como esse começam a ser comum no governo da prefeita Lívia Bello. Em novembro, vereadores encontraram no almoxarifado da Secretaria Municipal de Saúde 60 caixas de medicamento com data de validade vencida. Os remédios, destinados à farmácia popular, também apresentavam problemas com documentação.

Ainda este ano, a prefeita se safou de uma CPI usando a seu favor a maioria política que tem na Câmara. Novamente, problemas com medicação. Daquela vez foram observadas irregularidades com um lote de Amoxicilina. De novo, data de validade vencida e possível irregularidade na nota fiscal. Apenas um vereador, Claudio Norberto, votou pela CPI.

Leia Também

Música na Praça promete agitar Rio das Ostras

Para encerrar o ano com muita música e diversão, o evento Música na Praça está …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *